sábado, 6 de julho de 2013

Baú do Perseguição


He-Man

Quem consegue se esquecer do brado: “Pelos poderes de Greyskull! Eu tenho a força!”? O desenho é cultuado até hoje, e tem fãs fervorosos! As aventuras do brucutu loiro de Etérnia contra Esqueleto & Cia fizeram a geração 80 grudar na telinha. 
O enredo tinha sempre a mesma base: o príncipe Adam, por meio de uma espada mágica, era capaz de se transformar no poderoso He-Man. 
He-Man se prepara para salvar o Etérnia novamente
Os demais personagens eram tão marcantes quanto ele, como Pacato (que se transforma, com He-Man, em Gato Guerreiro), o “mágico” Gorpo, o cientista Menthor, sua fila Teela e também a bela Feiticeira. Os vilões liderados por Esqueleto também tinham presença marcante: Homem-Fera, Maligna, Cobra Khan, Aquático, entre muitos outros. Cada episódio era repleto de ação e aventura, com músicas geniais e uma “moral da história” no final, para educar a criançada.
E uma curiosidade: você sabia que o personagem He-Man foi criado a partir do herói Conan?
A Mattel, até então responsável pela produção dos brinquedos de Conan, não quis associar sua marca a um personagem com tamanho apelo sexual e violência, evidenciados pelas cenas do recém-lançado, Conan – O Bárbaro (1982). Assim, a empresa decidiu apostar na criação de um personagem próprio, apenas inspirado em Conan, e surgiu He-Man.

Nenhum comentário:

Postar um comentário