terça-feira, 4 de junho de 2013

Na Estante


Noites em claro rendeu o livro “Diário Noturno”

Muitas pessoas que não pensam como eu, acreditam que Gabriel não passa de um cidadão que quer mudar uma sociedade e não sabe como, só fica nas ideias.
O que nem todos sabem é a história dele e nem como ele chegou a conclusões que basearam poemas, redações e músicas.
O "Diário" de Gabriel O Pensador
Gabriel não é apenas um cidadão brasileiro, ele é mais do que isso, ele merece reconhecimento por ter a coragem que os brasileiros não têm de dizerem não a um governo corrupto, de protestar, de exigir os seus direitos acima de qualquer coisa.
O livro retrata bastante a parte da indignação do Gabriel quanto a sociedade, quanto a política brasileira, o estado das famílias brasileiras que moram em favelas do Rio de Janeiro, a realidade do que não é mostrado nas telas de televisão, um lado em que Gabriel se preocupa.
Ele um ser humano de verdade, que se preocupa com a vida das pessoas, não de um modo especulatório mas sim de um modo de vida, como coisas básicas para uma vida digna para cada cidadão, como por exemplo ter acesso a educação de qualidade, poder passear no seu bairro, ter o direito de comer e ter uma casa, ter acesso a uma praia limpa e não praias que são a saída para o esgoto dos bairros cariocas, como acontece na praia de São Conrado no Rio de Janeiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário