sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Mulher vs Mulher e se der tempo o Homem

Para ler ouvindo: Nêga Bombom, com Os Cascavelletes, do CD Rock’a’ula de 1989.

Qual o padrão de beleza da mulher brasileira? Quem é a mulher perfeita, aquela que deixa as demais mulheres com uma ponta de inveja e os homens com uma ponta na calça? Sua namorada, sua esposa, sua mãe, a Sandy (que já deve estar sentando de bruços com tanta polêmica), Ivete Sangalo, Juliana Paes, sua vizinha gordinha, sua amiga magrinha, sua prima neguinha?
Será que existe mesmo um padrão de beleza entre as mulheres? Sim, entre elas existe. É fácil ver como elas se comportam na presença de uma “concorrente”. Por exemplo, em uma lanchonete você está com sua namorada quando chega um casal, um cara pintudo (boa pinta) e uma mulher, pra quem sua namorada olha primeiro? E olha mesmo... Dos pés a cabeça. E com essa rápida passada de olhos ela consegue ter certeza de que o vestido da moça não está de acordo com a bolsa, que é muito grande e não combinou com os brincos, que por sua vez se destacam muito, ofuscando aquela sandália da moda, que não ficou bem para a mulher porque ela está acima do peso e não deveria usar aquele tom de batom que é ridículo e não combinou com o cabelo, com a gargantilha e a pulseirinha, e ainda por cima a calcinha está marcando. Enquanto sua namorada conseguiu ver tudo isso, você não percebeu nem que a calcinha estava marcando o vestido da mulher, mesmo você tendo o mesmo tempo pra verificar e constatar tudo o que sua namorada conseguiu enxergar. O cara boa pinta... Sua namorada nem viu, não se preocupe, em compensação você deu uma “bizóia” básica na mulher dele (sim, não precisa se explicar, eu sei que foi somente pra ver se a combinação de roupa, cabelo e acessórios estava correta).
A regra é clara e você já deve ter ouvido ou pelo menos imaginado que: Mulheres se vestem para mulheres, se vestem para causar inveja umas nas outras, sejam amigas ou inimigas. Imagina você esperando sua namorada se arrumar só pra ir a um churrasco, ou a uma balada... Você lá na sala com a pelanca da mãe dela, falando um monte de coisas chatas, e se achando o máximo e sua namorada lá... se arrumando pra ficar linda, extraordinária, elegante e gostosa, só pra você (e todas as outras mulheres que estiverem aonde vocês forem).
Nós homens não nos preocupamos com a combinação: roupa, cabelo e acessórios, menos ainda com as estrias, celulites, nariz torto, “peitchólinha muchiba”, e outras coisas mais. Tem cara que pega todas... Se a mulher pesar mais que um Big MC ele passa o “babão”.
Toda panela tem sua tampa, não enxerguem somente a beleza exterior nas pessoas, muitas têm coisas maravilhosas para nos oferecer ao longo da vida. Não deixe que o “padrão de beleza” dos outros, estrague a sua felicidade, ame mais e seja feliz.
Calma mulherada, não sejam inseguras, tenham mais confianças em vocês mesmas, não é porque seu parceiro olhou uma bunda que passou ai do lado, que ele não te ama. Seja em “Aguaguaquaga”, ou em Paraibuna-cidade de gente bonita, vocês sempre serão amadas, idolatradas, e adoradas, pois nós não vivemos sem vocês.

Um comentário:

  1. Apoiadoooooooooo, mulher bonita é a quela que acredita nela mesma!

    ResponderExcluir