sexta-feira, 2 de outubro de 2009

VMP 2009 (Very Music Paraibuna)

Paraibuna – cidade de gente bonita está sempre a frente das demais e por ser dessa forma, sempre é copiada por outros países e capitais.
Ontem aconteceu no Salão Paroquial da cidade o VMP (Very Music Paraibuna) 2009, um dos eventos mais importantes e esperados pelos apaixonados da boa música paraibunense. Presentes no placo ninguém menos que bandas do calibre de Artefato 288, Ilha 13, Sebo e a dupla de MPP (Música Popular Paraibunense), TenóGri, formada por Tenórinho e Grilo, entre outros artistas e personalidades.
Os nomes mais importantes do cenário musical paraibunense, e porque não dizer mundial, receberam prêmios nas categorias de melhor show, melhor banda, banda revelação, melhor vocalista, melhor guitarrista, melhor baterista, melhor baixista, e melhor tecladista. As novas categorias também premiaram o melhor blog, personalidade do ano, e político revelação.
Vamos então ao que importa, principalmente para você que não esteve presente no maior prêmio da música de Paraibuna – cidade de gente bonita, ficará sabendo a partir de agora com a nossa enviada especial, Charlene Costa, a popular "CC", o que de melhor aconteceu no VMP 09.
O melhor show ficou com a galera dos “Paracessos do Sulamas”, que mesmo vindo de Brasília, optaram por irem embora em uma Kombi. O trio que ganhou destaque no cenário nacional depois de terem se apresentado no 3º Canto Geral, organizado por Gastão Villalba. Os Paracessos tiveram seu prêmio entregue por Kalunga, filho de Gastão, que por problemas pessoais não pode estar presente. Os Paracessos receberam a homenagem e rapidamente "zarparam fora", seguindo em uma Kombi velha e sem calotas.
A dupla TenóGri abriu o espetáculo com a música “Burrão Soberano”, composição de Tenório. A galera foi ao delírio com os dois cantores e seus violões no melhor estilo acústico, com direito a banquinho e tudo mais.
A melhor banda na opinião dos jurados não foi surpresa, já se imaginava que eles levariam mais esse prêmio. Artefato 288, com 97,5% dos votos, paparam mais um troféu, pois no ano de 2006 já haviam ganho como banda revelação, e na categoria melhor vocalista com Gambazinho.
O troféu de banda revelação deste ano ficou com a galera dos The Snob’s.
O melhor vocalista veio da banda Ilha 13. Foi ele, Belezinha, que com sua língua “plesa”, cantou e encantou o público presente no Salão Paroquial.
O médico e guitarrista do ano foi Fábio Amar, também da banda Ilha 13.
Na bateria, Marcelo da banda Artefato 288 levou o troféu.
Também da banda Artefato 288 veio o melhor baixista desse ano. “Samuel” Ribeiro ficou com a estatueta.
No teclados, Césinha que já passou por todas as bandas possíveis da cidade, e não poderia ser diferente, venceu na categoria de melhor tocador de “órgão” da cidade. Césinha se dedica tanto que está até magro de tanto "ensaiar".
Na categoria melhor blog, não poderia ser diferente. O Perseguição news venceu fácil com 100% dos votos, e já saiu na frente para o ano que vem. Uma pesquisa do Datafolha/Ibope, revelou que o blog Perseguição news já está com 87% da intenção dos votos para vencer novamente em 2010.
A personalidade paraibunense de 2009 foi o mestre Izonélson, que depois de sua coluna diária neste blog aumentou sua cotação com o público feminino em 73,9%, segundo o Datafolha/Ibope.
Segundo os jurados, o melhor político paraibunense em 2009 foi Fuscão, que mesmo não ocupando uma cadeira na Câmara Municipal, (o que é uma falta de respeito com a população e seus eleitores) venceu fácil o corintiano e segundo colocado Ronaldo do Pânico. Foram 96 votos a 4, e uma verdadeira resposta aos políticos paraibunenses.
Encerrando a noite, a banda dos sonhos composta por Gambazinho (Artefato 288) e Marcelo Vâmo Quebra (Sebo) nos vocais, Samuel Mc Namara (Artefato 288) e Grilo (Ilha 13 e TenóGri), Dêmis (Sistema 5, Morro Abaixo, e Ilha 13) e Aline (The Snob’s) no baixo, Beto (Ilha 13) e Marcelo (Artefato 288) na bateria, tocando órgão, ninguém menos que ele Césinha (Sistema 5, Artefato 288, Sebo, Pica-Fumo, Morro Abaixo, Ilha 13, The Snob’s, TenógGri entre outras), tocando sucessos que um dia foram apresentados por Dito Leite na Rádio Energia FM 90,7, a Rádio Jovem. Imagine todas essas feras de uma vez só no palco principal do Salão Paroquial, agitando os presentes com músicas inéditas de Tenório e Tenórinho, e Rap da Polícia da banda Pica-Fumo. Foi a maior festa da música que Paraibuna- cidade de gente bonita já viu.
A nota ruim do evento foi a cassação do CRM do médico e guitarrista Fábio Amar, da banda Ilha 13. Tudo isso por causa de um processo de investigação que corre na Delegacia de Polícia da cidade. Fábio está sendo acusado de ter esquecido uma corda de guitarra e uma paleta no abdômen de um paciente o qual ele realizou uma cirurgia no mês passado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário